Oct 17, 2017

Anatel libera cadastro de usuários do Paraná e Santa Catarina ao serviço de desastres naturais.

Mais um exemplo de um bom e adequado uso do nosso velho SMS.
Leia na íntegra a matéria publicada na Mobile Time em 16 de outubro de 20167

O sistema nacional de alerta de desastres naturais via SMS começou a aceitar o cadastro de usuários com linhas móveis do Paraná e de Santa Catarina nesta segunda-feira, 16. Como parte da campanha para provê-lo, o seguinte torpedo foi enviado aos habitantes dos dois estados: "Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de área de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse".

Ao terminar o cadastro no programa, o usuário receberá no seu celular uma mensagem de texto alertando sobre o risco de inundações, alagamentos, temporais, vendavais, deslizamentos de terra, entre outros desastres naturais. As mensagens com os alertas serão enviadas pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) e pela Defesa Civil dos estados e municípios.

O programa é coordenado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e conta ainda com membros do Cenad e da Associação Brasileira de TV por Assinatura (ABTA). Em sua primeira etapa de testes, entre fevereiro e setembro deste ano, 600 mil habitantes de 25 cidades do Paraná e de Santa Catarina participaram do sistema. Ao final dos testes, foi decidido que o programa seria expandido para o resto do País.

Agenda

A Anatel divulgou o cronograma de lançamento do sistema de alerta de desastres naturais por SMS para os outros estados. São Paulo será o próximo a ter o cadastro liberado, em novembro. No entanto, a última leva de estados que terá o serviço ativado virá em março de 2018 e será aquela com mais estados, 14, sendo todos das regiões Norte e Nordeste. Confira o calendário na tabela abaixo:

EstadosData de Lançamento
Paraná e Santa Catarina16 de outubro de 2017
São Paulo16 de novembro de 2017
Espírito Santo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul18 de dezembro de 2017
Goiás, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais15 de janeiro de 2018
Distrito Federal, Mato Grosso e Tocantins19 de fevereiro de 2018
Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Para, Amapá, Acre, Amazonas, Rondônia e Roraima19 de março de 2018


Fonte: Mobile Time